Home 06/01/2017 - 15:32 - Ascom Seduc / Governo do Tocantins

Profissionais de educação estadual se reúnem para discutir a proposta pedagógica para 2017

Wanessa Sechim reiterou sua confiança em garantir ensino de qualidade a partir de um esforço conjunto Wanessa Sechim reiterou sua confiança em garantir ensino de qualidade a partir de um esforço conjunto - Tharson Lopes / Governo do Tocantins
Profissionais de educação participaram de reunião de trabalho no auditório do Palácio Araguaia Profissionais de educação participaram de reunião de trabalho no auditório do Palácio Araguaia - Tharson Lopes / Governo do Tocantins
Reunião de trabalho com a equipe da Seduc teve continuidade nesta sexta Reunião de trabalho com a equipe da Seduc teve continuidade nesta sexta - Tharson Lopes / Governo do Tocantins
Ester: “as discussões e implementações de propostas reais fazem parte da dinâmica educacional de boa qualidade” Ester: “as discussões e implementações de propostas reais fazem parte da dinâmica educacional de boa qualidade” - Tharson Lopes / Governo do Tocantins
Aldízia: “minha perspectiva é das melhores com esse novo trabalho que vai fortalecer o ensino e a aprendizagem dos educando” Aldízia: “minha perspectiva é das melhores com esse novo trabalho que vai fortalecer o ensino e a aprendizagem dos educando” - Tharson Lopes / Governo do Tocantins

Técnicos pedagógicos, gerentes, diretores regionais de ensino, superintendentes, assessores e coordenadores de grupos de trabalho da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) estiveram reunidos nesta quinta e sexta, 5 e 6 de janeiro, em Palmas, para conhecer os detalhes da proposta pedagógica para 2017.

A abertura dos trabalhos ocorreu no auditório do Palácio Araguaia, onde a secretária da Educação, Juventude e Esportes, professora Wanessa Zavarese Sechim, reiterou os esforços de toda a equipe na realização de um planejamento institucional centrado na melhoria dos resultados da aprendizagem.  “Tem havido um esforço coletivo para que as intervenções pedagógicas ocorram nas escolas, onde está o aluno e o professor, visto que há a necessidade de melhoria nos índices educacionais do Tocantins”, disse.

Ainda no primeiro dia, foram apresentados aos participantes três eixos norteadores da Educação em 2017. O Calendário Letivo Pedagógico foi construído para possibilitar uma maior eficiência do processo ensino aprendizagem. As principais novidades são a extinção das aulas aos sábados, o planejamento do ano letivo com a participação das escolas, avaliação diagnóstica, planejamento pedagógico elaborado com o conhecimento do nível dos alunos, simulados para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e realização do Conselho de Classe Pedagógico ao final de cada bimestre.

Já as estruturas curriculares foram atualizadas e trouxeram mudanças, como a redução do tempo de cada aula de 60 para 50 minutos, elevando o número de aulas para cinco aulas diárias e 25 semanais; o aumento no número de aulas de Português e Matemática em todos os níveis e modalidades de ensino; a inserção de aulas de Redação desde o 1º ano e Língua Inglesa nos anos iniciais do Ensino Fundamental; a inclusão de aulas de Física e Química no 9º ano do Fundamental, como reforço na preparação dos alunos para o ingresso no Ensino Médio, e ainda uma 3ª série do Ensino Médio formulada com o objetivo de proporcionar maiores oportunidades de acesso às universidades por meio do Enem.

A rede de ensino do Estado passa a ter conteúdos definidos para todas as escolas, níveis, modalidades de ensino e componentes curriculares. A proposta da Seduc será apresentada a todos os professores no período de 16 a 20 de janeiro, para análise, avaliação e contribuição dos docentes.

“Calendário Letivo, estruturas curriculares e conteúdos alinhados e integrados possibilitarão maior eficácia no trabalho dos professores, fortalecerão o processo ensino aprendizagem do aluno e, por consequência natural, a melhoria dos resultados da educação no Tocantins”, enfatizou a secretária de Educação.

Foram apresentadas a metas a serem alcançadas pelo Estado,  para cada Diretoria Regional e para cada escola em 2017.

Já nesta sexta, 6, o trabalho continuou a sala de reuniões da Seduc, pautado no detalhamento da Proposta Pedagógica 2017 e sua implementação. Os integrantes do Grupo Gestor da Seduc, da Superintendência de Educação, diretores e técnicos das Regionais de Educação receberam as orientações necessárias, as atribuições e as responsabilidades de cada setor para os próximos passos a serem desenvolvidos.

“Estamos confiantes de que, com o apoio, motivação, compromisso e responsabilidade de cada um, integrados e alinhados com os mesmos propósitos, poderemos, sim, ter a esperança de garantir uma Educação de qualidade para todos os tocantinenses”, reiterou a professora Wanessa Sechim.

Envolvimento

Para Ester de Paula Alves da Silva, Assessora Regional de Supervisão, Gestão e Formação da DRE de Guaraí, as discussões e implementações de propostas reais fazem parte da dinâmica educacional de boa qualidade. “Quero compartilhar da melhor maneira, com os professores e estudantes, esse trabalho que está sendo proposto e discutido, por acreditar no desenvolvimento da Educação”, ponderou.

Já Aldízia Carneiro de Araújo, Gerente de Ensino a Distância da Seduc, acredita no crescimento da Educação no Tocantins. “Há renovação nesse trabalho. Minha perspectiva é das melhores com esse novo trabalho que vai fortalecer o ensino e a aprendizagem dos educandos”, afirmou.

Compartilhe esta notícia