Brasil Central 05/04/2017 - 10:04 - Fernanda Veloso / Governo do Tocantins

Seduc realiza formação do Programa de Tutoria Pedagógica em parceria com Fundação Itaú Social

A formação está sendo realizada na sala de Educação Especial no anexo da Seduc A formação está sendo realizada na sala de Educação Especial no anexo da Seduc - Márcio Vieira/Governo do Tocantins
A Seduc está realizando entre os dias 3 e 7 de abril, em parceria com a Fundação Itaú Social, a formação do programa de Tutoria Pedagógica A Seduc está realizando entre os dias 3 e 7 de abril, em parceria com a Fundação Itaú Social, a formação do programa de Tutoria Pedagógica - Márcio Vieira/Governo do Tocantins
Márcia Giupatto, instrutora da formação Márcia Giupatto, instrutora da formação - Márcio Vieira/Governo do Tocantins
Joana dos Reis, diretora de Educação da Seduc Joana dos Reis, diretora de Educação da Seduc - Márcio Vieira/Governo do Tocantins

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) está realizando entre os dias 3 e 7 de abril, por meio do consórcio de governadores, Brasil Central, em parceria com a Fundação Itaú Social, a formação do Programa de Tutoria Pedagógica. Essa etapa da ação contempla técnicos das Diretorias Regionais de Educação (DRE) de Miracema, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional.

Segundo a diretora de Educação da Seduc, Joana dos Reis, a parceria com a Fundação vem ao encontro da proposta pedagógica da Secretaria. “A formação de gestores é parte integrante da proposta pedagógica da Seduc em 2017. O fortalecimento da liderança escolar com foco no acesso, atendimento, permanência e aprendizagem dos alunos é ponto primordial para a melhoria do ensino. O programa de Tutoria Pedagógica tem a metodologia de formação continuada realizada no cotidiano da escola, em uma relação de parceria entre tutor e tutorado, com corresponsabilidade para garantir o aprendizado do aluno com sucesso”, finalizou.

Uma das instrutoras da formação, Márcia Giupatto, explicou como funciona a parceria. “A parceria entre a Fundação Itaú Social, com execução do Programa pelo Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável (Cieds) e pela Seduc, visa formar tutores pedagógicos, que são profissionais responsáveis pela formação continuada de diretores da rede. Essas lideranças começarão um processo de formação inicial, com duração de 152 horas, na modalidade presencial e semipresencial composta por três módulos online e dois módulos presenciais de 40h. Depois ainda se estenderá por mais um ano e meio de formação centrada na escola, junto aos diretores”, disse.

Ainda de acordo com Márcia, o objetivo da formação é fortalecer a liderança escolar. “Ou seja, garantir a formação continuada dos diretores da rede pública para alcançar as metas do Plano Estadual de Educação”, concluiu. O próximo módulo presencial será realizado no período de 8 a 12 de maio.

A orientadora educacional da Diretoria Regional de Educação de Porto Nacional, Raquel Oliveira, está participando da formação com o objetivo de colaborar com a escola e principalmente com o gestor escolar. “Eu espero que durante essa semana possamos sair daqui preparados para poder contribuir com nossos gestores e fazer com que possamos ter um momento de autoavaliação dentro da escola e repensar uma prática de liderança que seja mais democrática, mais atuante e que desenvolva o processo de ensino aprendizagem”, afirmou.

Participarão do projeto piloto no Tocantins os gestores escolares da DRE de Paraíso do Tocantins do CEM José Alves de Assis, Colégios Estaduais: Idalina de Paula, Prof. José Nézio Ramos, São José Operário e Instituto Presbiteriano Vale do TO. Na DRE de Porto Nacional o CEM Prof. Florêncio, Félix Camoa, Colégio Estadual Angélica Ribeiro, Dr. Pedro Ludovico, Marechal Costa e Silva, Escolas Estaduais: Alfredo Nasser e Carmênia Matos. Já na DRE de Miracema do Tocantins serão contemplados o CEM Santa Terezinha e o Colégio Estadual Batista.

O programa de Tutoria Pedagógica irá trabalhar com as dimensões da liderança escolar, por meio do Plano de Ação ao Líder Escolar (Pale), tendo como pontos de discussão a postura do líder, a resiliência, a comunicação, o desempenho dos alunos, na busca de solução de problemas e na melhoria da aprendizagem.

O programa conta com a supervisão dos técnicos da Fundação Itaú Social e dos tutores da Seduc e DRE, que se basearão na observação, escuta ativa, acompanhamento e monitoramento, feedback, estabelecendo tarefas, prazos e caminhos pedagógicos para alcançar o objetivo proposto pelo programa.