Professor 14/12/2018 - 10:08 - Ismeni Moura/Governo do Tocantins

Colégio da Polícia Militar – Unidade IV Jacy Alves de Barros em Arraias – TO Desenvolve Feira Literária

I Feira Literária do CPMTO IV.JPG I Feira Literária do CPMTO IV.JPG -
Atividades diversas envolvendo alunos..JPG Atividades diversas envolvendo alunos..JPG -

 

A importância da leitura é indiscutível quando o assunto em pauta é educação, um hábito indispensável para a formação intelectual, cognitiva e cultural de uma sociedade.  Mesmo com o surgimento de tantas inovações tecnológicas, os livros continuam sendo essenciais para o processo de aprendizagem e a formação de bons alunos.

Com a globalização e transformações comunicacionais e digitais (televisores, computadores, celulares, etc) o ato da leitura foi cada vez mais adquirindo um lugar secundário. Estudos apontam que no Brasil a média de leitura dos brasileiros é de 1 livro por ano, posição muito baixa em relação a outros países da América Latina.

Quando lemos ocorrem diversas ligações no cérebro, ampliando e expandindo horizontes cognitivos, que nos permitem desenvolver o raciocínio, aguçando o senso crítico por meio da capacidade de interpretação.

Partindo deste principio, o Colégio da Polícia Militar – Unidade IV, Jacy Alves de Barros, em Arraias – TO, realizou no dia 29/10 do presente ano, a I Feira Literária, com o tema: “A Importância da Leitura,” Idealizada pela Professora MSc. Samara Gonçalves Lima e com a colaboração da Professora, Jannekelly Franco, professoras de Língua Portuguesa. Com o objetivo de despertar o prazer pela leitura, destacou diversos gêneros literários como: poema, cordel, memórias literárias, esquetes, contos, lendas urbanas, propagandas e entrevistas. A programação contou ainda com a apresentação de palestras, jogral, danças, stand up, peças teatrais e exposição de trabalhos desenvolvidos pelos alunos.

Objetivando promover o protagonismo juvenil, o desenvolvimento da criatividade e o espírito de liderança, foram delegadas variadas tarefas e responsabilidade aos alunos como: coordenação de grupos de ensaio, decoração de salas temáticas, elaboração de relatórios, produção de cartazes, slogans, textos, figurinos, cenários, amostras culinárias, confecção de lembrancinhas e troca de livros.

Neste evento, a Professora, Drª. Adriana Demite Stephani Carvalho, Universidade Federal do Tocantins – UFT destacou a importância da leitura e seus desdrobamentos para a aquisição do saber, afirmando que a leitura é sinônimo de liberdade.  Em seguida o escritor e Professor MSc. Adelino Machado, da Universidade Estadual de Goiás – UEG, falou um pouco da sua biografia e obras, ressaltando que se sentiu honrado com a homenagem feita a ele no café literário.

A Feira Literária oportunizou um momento para dar ênfase à campanha: “S.O.S Biblioteca”,  objetivando   atualizar o acervo bibliotecário da Unidade Escolar, tendo como apoiador a Promotoria de Justiça de Arraias – TO, representada pelo Promotor de Justiça,  Dr. João Neumann Marinho da Nóbrega,  que se fez presente no evento e na oportunidade  ressaltou a importância da participação dos pais na vida escolar dos filhos, afirmando  que a educação deve ser pensada a longo prazo para obter resultados satisfatório na vida adulta do aluno.  

 Com o objetivo de preservar a história e homenagear aqueles que contribuíram de forma positiva para a educação ou com bons exemplos para a sociedade, foi realizada uma homenagem em In Memorian  a Senhora, Jacy Alves de Barros, (nome do Colégio da Polícia Militar – Unidade IV), apresentando sua história de vida e ideais, emocionando os familiares que se faziam presentes.

Para a Professora MSc. Samara Gonçalves, os resultados esperados foram satisfatórios, uma vez que envolveu um número considerável de alunos despertando-os para o leque de oportunidades que a leitura possibilita no campo da aprendizagem e da vida. A professora afirma que muitos puderam vivenciar a experiência de ultrapassar a solitária tarefa de ler um livro e chegar ao campo da interação com o outro, influenciando-o, e transformando-o, graças à leitura, e melhor que isso transformando-se. “Alguns revelaram outros talentos além dos que são exigidos rotineiramente em sala de aula, mostrando-se talentosos músicos, atores, costureiros, cozinheiros, líderes responsáveis e dedicados.”.

O Diretor do CPM-IV, o Capitão QOM Marcos Cezar de Almeida Pimentel, afirma que a experiência da feira foi um momento singular, onde pode perceber o envolvimento efetivo dos alunos, despertando o protagonismo juvenil, bem como o envolvimento de toda equipe do CPM-IV na realização da ação. Segundo o Diretor, esse envolvimento fortalece o espírito de equipe, entre alunos, professores e demais profissionais da escola.

Ações como esta tem o poder de despertar a atenção e interação dos alunos de forma genuína, promovendo o gosto pela leitura e o desenvolvimento integral do educando. Permitindo novas visões do mundo que os cerca, transformando-se em cidadãos críticos, com valores éticos capazes de contribuir de forma efetiva para a manutenção de uma sociedade mais justa e igualitária, sendo assim, o hábito da leitura se torna uma ferramenta indispensável na construção da cidadania.