Home 08/11/2019 - 12:52 - Josélia de Lima/Governo do Tocantins

Equipe do CEM Tiradentes participa em Recife da 25ª Ciência Jovem

Equipe do CEM Tiradentes monta estande na 25ª edição do Ciência Jovem Equipe do CEM Tiradentes monta estande na 25ª edição do Ciência Jovem - Divulgação
Estudantes apresentam projeto de prevenção ao suicídio Estudantes apresentam projeto de prevenção ao suicídio - Divulgação
Estudantes apresentam projeto de prevenção ao suicídio Estudantes apresentam projeto de prevenção ao suicídio - Divulgação

A diretora Maria Nazaré Macena Rodrigues, a professora de Ciências, Juliana Kern e as estudantes Amanda Antoni e Maysa Gomes, do Centro de Ensino Médio Tiradentes, estão em Recife, Pernambuco, participando da 25ª edição do Ciência Jovem. A equipe da escola apresentou o projeto Enquanto houver sol, uma ação realizada com o objetivo de alertar os jovens sobre a necessidade da prevenção do suicídio.

O Ciência Jovem é uma das mais antigas feiras de ciências do Brasil e está sendo realizada no Shopping RioMar, em Recife. Neste ano, foram expostos 300 projetos de estudantes de todos os estados brasileiros, como também da Colônia, México, Porto Rico e Paraguai.

A feira de ciências recebe projetos desenvolvidos por estudantes da educação infantil até o ensino médio, com ênfase para as atividades de iniciação científica e desenvolvimento tecnológico.

O Tocantins está sendo representado pela equipe do CEM Tiradentes. O projeto Enquanto houver sol foi realizado pela unidade escolar com o objetivo de sensibilizar a comunidade para a questão de saúde mental dos jovens. Entre as ações realizadas, foi elaborado um questionário para se conhecer como está o estado emocional dos estudantes. O diagnóstico foi realizado em nove das 29 turmas existentes e proporcionou que a escola, elaborasse ações preventivas que atendam às necessidades dos estudantes.

“Ser escolhida para representar o nosso Estado com o projeto é uma alegria imensa, pois fortalece e estreita laços de ensino e de aprendizagem. É também uma forma de mostrar aos alunos que é necessário acreditarem no seu potencial. Somos vitoriosos por estarmos aqui. A troca de experiências é a nossa maior recompensa”, comentou a professora Juliana.

“Nosso projeto é de grande importância para a vida das pessoas, pois queremos motivá-las e dizer que vale a pena viver, e a melhor solução é falar, enquanto houver sol haverá esperança”, frisou a estudante Maysa Gomes.