Home 15/04/2019 - 12:33 - Josélia de Lima/Governo do Tocantins

Secretaria da Educação lança programação da agenda Abril Indígena

Robson Vila Nova falou sobre as políticas públicas indígenas desenvolvidas pela Seduc Robson Vila Nova falou sobre as políticas públicas indígenas desenvolvidas pela Seduc - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Alunos são recebidos pelo governador Mauro Carlesse e pela secretária Adriana Aguiar Alunos são recebidos pelo governador Mauro Carlesse e pela secretária Adriana Aguiar - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
O gerente Waxiy Karajá - “O objetivo dessas atividades é mostrar a realidade indígena”. O gerente Waxiy Karajá - “O objetivo dessas atividades é mostrar a realidade indígena”. - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Alunos são recebidos pelo governador Mauro Carlesse e pela secretária Adriana Aguiar Alunos são recebidos pelo governador Mauro Carlesse e pela secretária Adriana Aguiar - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Robson Vila Nova falou sobre as políticas públicas indígenas desenvolvidas pela Seduc Robson Vila Nova falou sobre as políticas públicas indígenas desenvolvidas pela Seduc - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural Povos indígenas aproveitam a semana de apresentações para mostrar a sua riqueza cultural - Elias Oliveira/Governo do Tocantins
Aluna Beatriz Xerente disse que gostou da experiência de dançar fora da aldeia Aluna Beatriz Xerente disse que gostou da experiência de dançar fora da aldeia - Elias Oliveira/Governo do Tocantins

Alunos do Centro de Ensino Médio Indígena Xerente (Cemix) estiveram em Palmas, nesta segunda-feira, 15, para participar da abertura das atividades Abril Indígena alusivas às comemorações referentes ao Dia do Índio. Os alunos apresentaram músicas e danças no hall da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes, com temas voltados para a união das raças e a beleza da diversidade brasileira.

Dentre as atividades do Abril Indígena está o projeto Povo Indígena – Nossas Raízes, que será desenvolvido durante toda esta semana, com rodas de conversas realizadas em escolas públicas.

Na ocasião, o gerente de Educação Indígena, Waxiy Karajá, lembrou que os povos indígenas foram os primeiros moradores do Brasil. “O objetivo dessas atividades é mostrar a realidade indígena. Mesmo morando na cidade, assumindo cargos públicos, nunca vamos deixar de ser indígenas e é apresentando a realidade de nossa cultura, que queremos reduzir o preconceito”, frisou Waxiy.

O professor Silvino Xerente, do Cemix, explicou ter escolhido músicas que retratam temas como a união entre as pessoas. Uma das músicas foi criada para celebrar o Dia do Índio, mostrando a riqueza cultural. “Estamos aqui para ganhar o respeito das pessoas e da sociedade, que passem a valorizar mais a nossa cultura”, frisou.

O secretário Executivo da Educação, Robson Vila Nova Lopes, ressaltou o momento de reflexão sobre os povos indígenas. “É importante essa reflexão, os indígenas enfrentam um desafio histórico de respeito e valorização de sua cultura. Devemos lembrar a importância dos povos indígenas na origem e formação da população brasileira”, frisou.

A estudante Beatriz Xerente disse que gostou da experiência de ter se apresentado fora da aldeia.

Rodas de conversas

Nesta segunda-feira, as rodas de conversas sobre o tema Povos indígenas e nossas raízes serão realizadas no Centro de Ensino Médio Castro Alves, das 15 às 16h. Na terça-feira, 16, a ação será realizada na Escola Estadual Frederico Pedreira, das 10 às 11h. Na quarta-feira, 17, a roda de conversa será realizada na Escola Estadual Elizângela Glória Cardoso, das 9 às 10h, e no Centro de Ensino Médio Tiradentes, das 15 às 16h.

Na quinta-feira, 18, a roda de conversa será no Colégio Estadual São José, das 9 às 10h, e no período da tarde será no Colégio Estadual Vale do Sol.

Recebidos pelo governador

Os alunos estiveram ainda no Palácio Araguaia, onde foram recebidos pelo governador Mauro Carlesse e pela secretária da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar.

Povos indígenas no Tocantins

O Estado do Tocantins possui uma população indígena de aproximadamente 13.233 pessoas, que pertence ao Tronco Macro-Jê, sendo três famílias linguísticas: Akwe (Xerente), Timbira (Apinajé, Krahô e Krahô-Kanela) e Indy (Karajá, Javaé e Xambioá).

A população indígena está distribuída em 165 aldeias, das quais 108 delas possuem unidades escolares. Atualmente, estão matriculados nas escolas indígenas 5.469 alunos, que recebem ensino intercultural, bilíngue e educação básica.