Home 09/04/2019 - 13:25 - Guilherme Gandara / Governo do Tocantins

Colégio Sagrado Coração de Jesus realiza semana de ações de combate ao Bullying

Ao longo da semana foram realizadas palestras e outras atividades de sensibilização sobre o bullying Ao longo da semana foram realizadas palestras e outras atividades de sensibilização sobre o bullying - Julissane Alves de Souza
As ações voltadas ao combate ao bullying foram realizadas no Colégio Sagrado Coração de Jesus, de Porto Nacional As ações voltadas ao combate ao bullying foram realizadas no Colégio Sagrado Coração de Jesus, de Porto Nacional - Julissane Alves de Souza
Ao longo da semana foram realizadas palestras e outras atividades de sensibilização sobre o bullying Ao longo da semana foram realizadas palestras e outras atividades de sensibilização sobre o bullying - Julissane Alves de Souza

Uma semana de ações voltadas ao combate ao bullying foi realizada no Colégio Sagrado Coração de Jesus, de Porto Nacional, jurisdicionado à Diretoria Regional de Educação (DRE) de Porto Nacional. As ações aconteceram entre os dias 1º e cinco de abril com os alunos dos anos finais do ensino fundamental e ensino médio. Um dos parceiros da escola foi o grupo de teatro Rhuá, da Igreja Metodista, que é composto por jovens que levam mensagens de amor e esperança em locais como escolas, hospitais e abrigos.

Ao longo da semana, foram realizadas palestras de sensibilização que trabalharam os valores e fomentaram a troca da afetividade, dinâmicas, bate-papo, abraço grátis, apresentação teatral, gincanas, jogos educativos, apresentação de vídeos educativos e confecção de cartazes.

Os professores representantes das turmas e o serviço de orientação educacional se mobilizaram promovendo as atividades de sensibilização, com o objetivo de desenvolver e vivenciar ações concretas e reflexivas acerca da importância dos valores. Outro objetivo foi a diminuição dos conflitos entre educandos, bem o combate a possíveis comportamentos de bullying no ambiente escolar, ampliando as possibilidades de cooperação e de interação nos vários contextos onde são inseridos.

A orientadora educacional, Julissane Alves de Souza, comentou sobre a importância de se abordar essa temática na escola. “Essas ações servem para refletirmos acerca do impacto que a prática do bullying causa na vida de um estudante, assim como alertar toda a comunidade escolar e a sociedade em geral sobre os danos causados pela prática em crianças e adolescentes, como problemas psicológicos, de sociabilidade e até de violência física”, frisou.

Temas como empatia, o respeito ao próximo e as diferenças foram trabalhados também nas aulas do Laboratório Inteligência de Vida (LIV), que foi implantado no Colégio este ano, em todos os segmentos de ensino. Por meio da promoção dos espaços para reflexão, debate e escuta, a temática do bullying é constantemente trabalhada nas aulas.

Para o estudante Syllas Franklin Rodrigues Gomes, da 3ª série do ensino médio, as ações de combate a práticas violentas são importantes para a formação do estudante enquanto cidadão. “As ações aproximaram a escola e estudantes para reforçar que todos devem se apoiar, pois o bullying é preocupante, uma patologia social que não deve ser cometida, pois é coisa séria. Ações como as que foram desenvolvidas deveriam ser feitas mais vezes, porque este é um assunto relevante para o nosso aprendizado”, finalizou.

No fechamento da semana o grupo de teatro Rhuá, fez uma dinâmica seguida de apresentações musicais e teatrais envolvendo o tema.