Home 30/07/2020 - 15:25 - Guilherme Gandara / Governo do Tocantins

Gestores do Tocantins, Paraíba e Maranhão apresentam projetos educacionais desenvolvidos durante a pandemia

A superintendente Amanda Pereira da Costa detalhou as ações e projetos da Seduc realizados durante a pandemia A superintendente Amanda Pereira da Costa detalhou as ações e projetos da Seduc realizados durante a pandemia - Dicom Seduc/Governo do Tocantins

O terceiro encontro virtual 'Rodas de Conversa', do Instituto Natura, foi realizado na manhã desta quinta-feira, 30, e reuniu gestores de diversos estados para apresentação de protocolos de retorno às aulas presenciais e compartilhamento de estratégias desenvolvidas durante a pandemia do novo coronavírus. No webinário, os estados do Tocantins, Paraíba e Maranhão compartilharam as ideias traçadas e projetos idealizados.

A superintendente da Educação Básica da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), Amanda Pereira da Costa, fez uma apresentação explanando todas as ações que o Governo do Tocantins desenvolveu desde o início da pandemia. 

"A paralisação inicial se deu no dia 16 de março, e, então, diversas ações têm sido realizadas. Desde o decreto de redução da carga horária dos servidores, até as ações educativas remotas. Adaptamos o formato do #ToNoEnem para a preparação on-line, além da entrega de material físico para os estudantes que não possuem acesso aos meios tecnológicos. Garantimos a entrega de 157.200 kits de alimentação aos estudantes, conforme estabelecido pelo governador Mauro Carlesse, para a garantia da segurança alimentar dos alunos", pontou.

A superintendente ainda frisou que diversos debates foram feitos com as equipes da Seduc, visando garantir a aprendizagem dos estudantes e a formação dos educadores. 

"Após diversos estudos, o ensino remoto para os estudantes da 3ª série do ensino médio foi firmado, com o intuito de garantir a conclusão do ano letivo para esses estudantes. Para os professores, fizemos formações e, pensando no bem estar desses profissionais, lançamos o Programa Olhar Atento, com parcerias com a Universidade Federal do Tocantins, Instituto Ayrton Senna e Instituto Península, com oferta de cursos voltados para a saúde emocional e também acompanhamentos com os professores do curso de psicologia da Universidade", detalhou. 

Os gestores compartilharam as experiências e debateram sobre o retorno das aulas presenciais, com a participação de professores e pais, que fizeram perguntas sobre as temáticas levantadas, projetos e ações.

Aulas presenciais

No Tocantins, esse planejamento está sendo traçado com foco nos pilares: segurança dos profissionais de educação e dos estudantes; respeito à diversidade da comunidade escolar; garantia de conclusão do ano letivo para os estudantes da 3ª série, ainda no ano civil 2020; garantia da conclusão do ano letivo para todos os estudantes, independente do calendário civil; e garantia de que o ano letivo de 2021 transcorra independente do ano 2020.